Andam a pedi-las...

Apesar de as mulheres começarem a ocupar lugares de relevo na sociedade com Angela Merkl como Chanceler na Alemanha, Ségolène Royale que perdeu por muito pouco as eleições em França e em que se fala que Hilary Clinton poderá avançar com uma candidatura à Casa Branca, apesar de elas terem cada vez mais independência e ocuparem bons tachos é inegável que os principais lugares de gestão e tachos interessantes continuam a ser ocupados maioritariamente por homens. Mas por uma enorme margem de diferença. E também não admira.

É que apesar de agora seguirem estudos superiores, não ligarem ao que os homens dizem e outras coisas do genéro, falham estrondosamente no mais básico que há. E o mais básico que há são as revistas que se lê na adolescência! Assim de repente, por acaso, vem-me à memória... a Bravo. Tudo bem, parece um bom nome. É forte. É bravo. É o nome de um esfregão da loiça. Tem gajos bons. Tem roupas da moda. Mas também tem o nome de um esfregão e acho que ler uma revista com o nome de um utensílio para lavar loiça não augura nada de bom. Mas vamos acreditar que apenas se trata de uma infeliz coincidência. Adiante.

Passemos então para a concorrente da Bravo... que é assim como quem diz... a Super Pop! Primeiro temos uma revista com nome de esfregão, faltava obviamente o detergente. Vá lá que acho que nunca ninguém se lembrou de dividir a revista nas variedades limão e aloe vera (agora tudo tem aloe vera, porque não as revistas também?) mas já começa a ser coincidência a mais... Já temos o detergente, o esfregão, aguardo ansiosamento a publicação com nome de lava-loiça. Talvez uma revista "Teka". Eu acho que se trata de uma lavagem ao cérebro muito bem conseguida. Habituam-nas desde muito petizes a estes nomes e elas um dia viram-se para os maridos e dizem "ò querido, não me queres ir buscar a bravo e a super-pop?" e eles respondem o tradicional "tá bem, mori". E lá vão eles, felizes da vida e chegam a casa não com a esperada papelada mas sim com o esfregão e o detergente. "Não era bem isso, que maçada. E agora?", ao que o dedicado esposo responde "não podemos deitar isso fora que a vida anda cara, se calhar o melhor era dares uso a isso" e assim lá começam elas uma vida dedicada a lavar loiça e passar a ferro. Vá lá, que eu sou amigo e vos vou alertando para estes perigos... Afinal este blog ainda pode vir a mudar o mundo.

Comentários

Juja disse…
ahahahah


este sim ta' qq coisa..e' q tu reparas em cda uma..eu nca tinha pnsdo nisso^^

"e assim lá começam elas uma vida dedicada a lavar loiça e passar a ferro. " claro q sim Diogo^^


"Vá lá, que eu sou amigo e vos vou alertando para estes perigos... Afinal este blog ainda pode vir a mudar o mundo." e bgda..ms ja' na vais a tmpo..o tmpo d ler a supr pop e a bravo ja' la' vai beeemmm longe..


ms tntast..


=D
Mia disse…
Hoje em dia le se a ragazza.
Q curiosamente os gajos tb gostam de ler. Principalmente a parte dos signos..eu n vos entendo.

Tanto criticam as mulheres por acreditar nos signos, e dizem q é tudo uma fantochada..mas qdo se chega de ragazza em punho..! é pa ver gajas boas e os signos.

É q ainda para mais aqilo é pa gajas..mas vcs tb devem ter a vossa parte mais feminina. Compreende se.

Ah eu como vou ter um marido empresario e cheio da nota (previsoes tuas) n vou precisar de lavar loiça nem de passar a ferro.
Uma bela de uma empregada vai tratar disso xD

Agr é ter fé para q as tuas previsoes estejam correctas.

Amen.

Mensagens populares